Jogos Super Compactados

Cadastre-se já para desfrutar todo o conteúdo do fórum.

Estamos precisando de moderadores que fiquem online!!

Obrigado pela visita, volte sempre Smile

O maior e melhor site de jogos.

Curta nossa FanPage: http://www.facebook.com/JogoSuperCompactados

E3 2013 é marcada por disputa entre videogames e jogos

Compartilhe
avatar
phineas360
Administrador
Administrador

Mensagens : 287
Data de inscrição : 14/08/2013
Idade : 25
Localização : denvill area dos 3 estados

E3 2013 é marcada por disputa entre videogames e jogos

Mensagem por phineas360 em Sex Ago 16, 2013 11:10 pm


Participantes caminham pelo corredor entre os estandes da Sony e da Microsoft na Electronic Entertainment Expo (E3), em Los Angeles (Foto: Jae C. Hong/AP)Visitantes caminham entre os estandes da Sony e da Microsoft na E3, em Los Angeles (Foto: Jae C. Hong/AP)


PlayStation 4 contra Xbox One; “Call of Duty” versus “Battlefield”; “Pro Evolution Soccer” e “Fifa”. A E3 2013, principal feira do mercado de games, que acabou na quinta-feira (13), ficou marcada pela rivalidade entre os dois novos consoles de videogame e jogos do mesmo gênero, que disputaram a atenção dos gamers de todo o mundo.


G1 destaca quais foram os principais games e as brigas da E3 2013 e que têm lançamentos previstos para 2013 e 2014.


PlayStation 4 foi revelado pela Sony na segunda-feira (10) (Foto: Divulgação/Sony)PlayStation 4 foi revelado pela Sony na
segunda-feira (10) (Foto: Divulgação/Sony)


Batalha dos videogames
A guerra começou na segunda-feira (10) com as apresentações de Sony e Microsoft sobre games para seus novos consoles, PlayStation 4 e Xbox One. A Sony usou a vantagem de ser a última a se apresentar e saber o que a Microsoft tinha exibido para dar o seu tiro certeiro: o PlayStation 4 custará US$ 400, mais barato que o Xbox One em US$ 100, e não haverá limitações para uso de jogos usados.

A notícia da Sony era o que os jogadores queriam ouvir e foi o suficiente para gerar comentários sobre o fracasso da Microsoft nesta E3, ou melhor, desde que a empresa apresentou seu videogame de nova geração, que não permite vender ou trocar jogos. O que a Sony fez foi pegar todos estes comentários negativos dos gamers ao redor do mundo nas redes sociais e em fóruns e atacar a Microsoft diretamente no seu ponto fraco.

Jogos de Guerra
Em comparação à versão anterior, “Battlefield 4” apresenta um salto no visual. Efeitos de luz e fumaça deixam tudo mais bonito e realista. Os cenários também se modificam em tempo real. A ação é intensa, com muitos tiros e explosões. Para quem gosta de saber detalhes dos gráficos, o game roda a constantes 60 quadros por segundo, sem nenhum engasgo.


Outra novidade de “Battlefield 4" é o modo Commander, em que o jogador poderá comandar toda uma equipe em uma partida on-line. Nesse modo, será possível controlar até 32 pessoas. Nele, um dos jogadores atua como comandante e indica o que o resto do time tem que fazer na partida on-line. Ele pode dar todos os comandos por meio de um tablet e ajudar a equipe ao enviar mísseis para destruir tanques que ficam no caminho.


Imagem da equipe de soldados, integrada pelo cão Riley, personagem crucial do novo game "Call of Duty: Ghosts". (Foto: Reprodução)Equipe de soldados, integrada pelo cão Riley, personagem de 'Call of Duty: Ghosts'. (Foto: Reprodução)


Já em “Call of Duty: Ghosts”, o jogador faz parte de uma equipe de elite que deve enfrentar uma batalha após um ataque devastar as forças dos Estados Unidos. Conforme as imagens prévias do game, os jogadores devem se preparar em todo tipo de ambiente: na água, na selva, em aviões e até andando sobre as paredes de prédios. Só que do lado de fora.


Chamado de Riley, o cão soldado, integrará a equipe em algumas missões. Em seu macacão, o bicho levará equipamentos úteis para a missão, como uma câmera. Por meio dela, será possível que o jogador controle o cachorro. Furtivo, o animal pode rastejar e se esconder em meio à grama, para só então atacar os inimigos. Fora a interação com Riley, o personagem terá maior colaboração com os outros integrantes de sua equipe.


Futebol
Na briga pelo título de melhor game de futebol do ano, “Pro Evolution Soccer 2014” tenta se reinventar enquanto o “Fifa 14” surpreende pelo nível de detalhes dos atletas, dos estádios, dos gramados e da movimentação tanto física quanto tática dos jogadores.


Imagem do novo game 'Fifa 14' da Electronic Arts. (Foto: Gustavo Petró/G1)O jogador Messi no novo game 'Fifa 14' da Electronic Arts. (Foto: Gustavo Petró/G1)



No “Fifa 14”, a produtora Electronic Arts quis mostrar o poder do motor gráfico Ignite trazendo atletas que são réplicas virtuais. Com expressões faciais, o gamer consegue entender o que o jogador está sentindo, se está feliz, triste, nervoso, o que influenciará na partida. Para os novos consoles PlayStation 4 e Xbox One, os jogadores do “Fifa 14” conseguem ainda prever em questão de instantes o que o adversário tentará fazer e, desse modo, reagir no tempo certo, criando uma jogada mais próxima do real do que antes.


'Pro Evolution Soccer 2014' (Foto: Divulgação/Konami)'Pro Evolution Soccer 2014' (Foto: Divulgação/Konami)



No “Pro Evolution Soccer 2014”, a Konami também usou tecnologias inéditas com o objetivo de fazer com que o atleta se pareça o mais real possível. Por outro lado, a velocidade da partida foi reduzida consideravelmente, tentando buscar um ar mais de simulação de uma partida de futebol. O resultado dessas mudanças, contudo, não ficou como o esperado. Em teste, o G1constatou que o game está diferente por conta deste novo ritmo e um pouco estranho, com passes e chutes que demoram para acontecer após o comando ser dado.


Simuladores de corrida
Enquanto o game “Gran Turismo 6” não apresentou muitas mudanças visuais em relação à versão anterior, o simulador de corrida “Forza 5”, exclusivo para Xbox One, tem como grande novidade carros e provas da Fórmula Indy.


Carro de Fórmula Indy virtual em 'Forza 5' para Xbox One simula até desgaste de pneus (Foto: Divulgação/Microsoft)Carro de Fórmula Indy virtual em 'Forza 5' para Xbox One simula até desgaste de pneus (Foto: Divulgação/Microsoft)



Com 1,2 mil carros e 71 pistas, “Gran Turismo 6" ganhou uma melhoria considerável no desenho do painel do carro e no desenho externo do veículo, mas os cenários não sofreram nenhuma alteração. Já os detalhes dos veículos do “Forza 5” são tantos que até o desgaste dos pneus é reproduzido. Ao terminar a corrida, os carros aparecem sujos e arranhados.

Zumbis
Os mortos-vivos continuam na moda e aparecem em dois jogos para Xbone One e PS4. “Dead Rising 3” é a continuação da série da Capcom que será exclusivo do Xbox One. O mundo aberto e sem pausas para carregamento entre cenários. O poder gráfico do novo videogame permite ter na tela centenas de zumbis ao mesmo tempo.


Banners do game 'Dying Light', de sobrevivência em um mundo dominado por zumbis, é destaque nos corredores da E3 2013 (Foto: Gustavo Petró/G1)Banners do game 'Dying Light' em destaque nos
corredores da E3 2013 (Foto: Gustavo Petró/G1)


O game dá liberdade total para usar diferentes meios de eliminar os monstros como metralhadoras, espadas, bastões, serras e etc. Um sistema permite unir armas diferentes e combiná-las para criar um efeito devastador. Usando um tablet com o aplicativo Smartglass, o jogador pode usar alguns recursos como pedir o lançamento de mísseis contra os zumbis a fim de eliminar horas de monstros.

O estúdio Techland, criador do game de sobreviência contra zumbis "Dead Island", e a Warner Bros. apresentaram um vídeo do aguardado "Dying Light". O jogo será lançado para os videogames atuais, o PlayStation 3 e o Xbox 360, mas tem previsão de chegar para o Xbox One e o PlayStation 4, além do PC, em 2014. No game, o jogador e até quatro amigos terão que sobreviver em um mundo infestado por zumbis. Eles terão que usar movimentos de parkour para avançar pelo cenário. Durante o dia, será necessário buscar suprimentos para conseguir sobreviver enquanto se enfrenta zumbis. Na parte da noite, a promessa é que será necessário enfrentar jogos mais poderosos.


No vídeo, o jogador usa um bastão que pode dar choques nos zumbis. O diferencial do game é que outros jogadores on-line também estão atrás dos suprimentos, que no trailer são jogados de um avião, o que cria uma disputa pela sobrevivência.


Tiro futurista
A briga é boa com dois jogos de tiro em um mundo apocalíptico que mais empolgaram durante a E3. “Titanfall”, dos criadores de “Call of Duty”, é jogo de tiro em que o jogador pode tanto entrar em combates a pé quanto dentro de robôs gigantes. Há uma grande quantidade de armas, algumas delas fortes o suficiente para destruir estas máquinas poderosas, e os humanos podem escalar paredes e construções com facilidade.



  •  


O novo 'Titangall', dos criadores de Call Of Duty, foi anunciado na E3 2013. (Foto: Divulgação/EA)O novo 'Titanfall', dos criadores de Call Of Duty, foi anunciado na E3 2013. (Foto: Divulgação/EA)


Ao chamar os robôs, que caem de naves que circulam as arenas, o jogador pode entrar neles, o que muda o esquema de jogo. Eles são mais lentos, mas podem eliminar os alvos humanos facilmente e as batalhas entre as máquinas são de tirar o fôlego.

Dos criadores de “Halo”, “Destiny” também é um jogo de tiro em primeira pessoa, mas ele apresenta um esquema de jogo mais voltado para a cooperação entre jogadores. A missão pode começar off-line, com o jogador sozinho, mas ao longo dos desafios outros jogadores on-line se unem nas batalhas. Os cenários são amplos e há uma enorme gama de armas a serem usadas.

Corrida arcade
Deixando os simuladores de lado, há jogos de corrida que apostam na velocidade e nos rachas para atrair jogadores. Em “The Crew”, a Ubisoft criou um mapa do tamanho dos EUA para que os jogadores possam percorrer o país inteiro em disputas com carros caríssimos, tanto sozinhos quanto com a ajuda de amigos na internet. A empresa diz que será possível fazer uma viagem de ponta a ponta dos Estados Unidos ao mesmo tempo em que monta equipes. O game está em desenvolvimento para os novos videogames.


Mustang Shelby 500 GT é o astro de 'Need for Speed' (Foto: Divulgação)Mustang Shelby 500 GT é o astro de 'Need for Speed' (Foto: Divulgação)



“Need for Speed Rivals” aposta em perseguições de polícia e corredor em alta velocidade pelas estradas. Na nova geração de videogames, os carros deram um salto no realismo, mostrando muito mais detalhes, além de uma sensação de velocidade maior. Detalhes como a marca dos pneus na estrada molhada e acidentes espetaculares são destaque do jogo.

Bonequinhos
Com “Skylanders”, a Activision inaugurou o mercado de jogos que usam bonecos físicos para que eles apareçam dentro dos games. O resultado foi tão positivo que a empresa apresentou na E3 a terceira edição da série, “Skylanders Swap Force”, que tem como destaque combinar partes diferentes dos bonecos para que a criança crie bichinhos únicos.


'Skylanders' usa bonequinhos que interagem com o game nos consoles (Foto: Gustavo Petró/G1)'Skylanders' usa bonequinhos que interagem com
o game nos consoles (Foto: Gustavo Petró/G1)


Porém, a Disney, sabendo da força das suas marcas, apresentou “Disney Infinity”. Nele, a criança pode colecionar bonequinhos com os personagens de desenhos e filmes da empresa – curiosamente, Mickey e companhia não estão neste pacote – e, ao colocá-los em uma plataforma, eles aparecem no jogo. 

A possibilidade de misturar personagens de filmes diferentes é o destaque, ao lado do modo em que a criança pode construir o que desejar.

Surpresas
Três jogos surpreenderam este ano, mesmo sem estarem prontos para os fãs jogarem no evento. São eles “Mirror’s Edge 2” e “The Division” e “Mad Max”. O primeiro é a sequência de um jogo que, embora não tivesse um bom resultado comercial quando foi lançado, é cultuado pelos fãs. A Electronic Arts mostrou um vídeo do game de ação em primeira pessoa que será lançado em 2014 para os novos videogames em que a personagem Faith escala prédios usando movimentos de parkour e enfrenta soldados. O game ainda não tem previsão de lançamento.


Imagem do game "Mirror's Edge 2", apresentação surpresa da EA na segunda-fera (10). (Foto: Gustavo Petró/G1)Imagem do game "Mirror's Edge 2", apresentação surpresa da EA. (Foto: Gustavo Petró/G1)



“The Division” é um RPG on-line da Ubisoft que mostra um mundo em que boa parte da população dos EUA foi dizimada por uma doença. O jogador se une a outras pessoas e participa de confrontos para tentar restabelecer os serviços das cidades como luz, internet e água. Os confrontos com armas são intensos e, por meio de um aplicativo para tablet, um amigo pode dar apoio nas batalhas que acontecerão no XOne e no PS4.

“Mad Max”, da Warner Games, inspirado no filme, também é um jogo para a nova geração de videogames que mostra um mundo apocalíptico. Com um mundo aberto gigantesco, será possível viajar de carro pelo deserto, encontrar personagens e realizar missões. O destaque fica por conta das batalhas entre carros com acidentes e perseguições em alta velocidade.


Até quatro jogadores podem se unir para enfrentar os desafios de 'Super Mario 3D World' (Foto: Divulgação/Nintendo)Até 4 jogadores podem se unir para enfrentar os
desafios de 'Super Mario 3D World'
(Foto: Divulgação/Nintendo)


Mario e Sonic


O clássico Super Mario está de volta aos videogames da Nintendo com o inédito “Super Mario 3D World” em HD para oconsole Wii U, cujo lançamento no Brasil foi adiado para o fim de 2013. “Super Mario 3D World” é a versão maior do jogo lançado para o Nintendo 3DS, trazendo fases que focam na cooperatividade entre até quatro jogadores.


A popular série de corrida da turma de Mario ganhou uma nova versão. Em “Mario Kart 8”, os carrinhos poderão desafiar a gravidade, andar nas paredes e no teto.


A Sega, antiga rival da Nintendo, fechou um acordo para desenvolver jogos de seu principal personagem, Sonic, para os videogames da empresa. O novo “Sonic Lost World”, que terá versões para o Wii U e 3DS, é um jogo rápido em que o personagem passa por mundos bizarros e as fases apresentam diversos caminhos a serem seguidos.


Decepção
Já faz algumas edições da E3 que “The Last Guardian”, um jogo exclusivo da Sony feito pelos criadores de “Shadow of Colossus”, foi apresentado. Desde então, a cada feira, os fãs esperam por algum anúncio do game, que sempre vinha em pequenos vídeos. Este ano, o jogo não foi sequer mencionado pela Sony.





nunca desista e sempre veja o lado bom das coisas

    Data/hora atual: Sex Jul 28, 2017 4:38 am